Malas, despedidas e a viagem de ida

Então é isso. Depois de todo o planejamento, todas as pesquisas, todos os sacrifícios para guardar dinheiro, eis que a tão esperada semana da viagem chegou. E nós do NMN resolvemos contar pra vocês como foi nossa última semana em terras brasileiras, as precauções com nossos compromissos no Brasil, como fizemos nossas malas, e como foi nossa viagem de ida de São Paulo até Auckland!

 

Hora de dizer até breve!

Resolvendo nossa vida no Brasil

Pra começar a preparar nossa saída do país, fizemos um check-list de todas nossas obrigações e compromissos no Brasil. Coisas que teríamos que resolver antes de embarcar para NZ, como por exemplo:

  • fazer um procuração dando poderes à nossas mães para resolver questões econômicas;
  • fechar conta em banco;
  • transformar celulares em pré-pago (se cancelar a linha, você perde o número) ;
  • consertar computadores e câmeras;
  • vender coisas que não usaríamos mais

Enfim… todos temos nossas responsabilidades e compromissos, e fazer uma lista de tudo que precisa ser resolvido ajuda muito a se organizar e não deixar nada pra trás, e quanto antes você começar a pensar nisso mais fácil vai ser. A última coisa que você quer é um problema pra resolver no Brasil quando você estiver longe, não é mesmo?

Fazendo as malas

Por mais que você se antecipe, algumas coisas vão acabar ficando para os últimos dias. Nós começamos a fazer as malas há 3 dias da viagem. Como pensamos em ficar no mínimo 1 ano por aqui sem voltar para o Brasil, trouxemos praticamente TUDO que podíamos. Fique ligado nas regras da cia aérea. Nossa passagem permitia 2 malas de 32kg por passageiro, mais as bagagens de mão. Nossas malas ficaram quase todas perto desse limite, e ainda embarcamos na mão com mais uma mala pequena, 2 mochilas e um violão (UFA…).

IMG-20160328-WA0010

Nossa vida resumida em 7 malas e 1 violão

Logicamente, todo nosso armário não coube nas malas, então aproveitamos para fazer aquela limpa necessária nas nossas coisas. Foram muitas malas e sacolas para doação.

IMG-20160328-WA0018

Mala DELE

IMG-20160328-WA0016

Mala DELA

IMG-20160328-WA0015

Parte do que foi para doação

Algumas dicas para organizar suas malas:

  • Dobre as camisetas e roupas de tecido leve em rolinhos
  • Calças e camisas desse jeito
  • Meias, cintos, e roupas íntimas enroladas num saquinho dentro dos tênis
  • Usamos algumas embalagens à vácuo para guardar algumas roupas mais “fofas”
  • Lembre de levar uma troca de roupa na bagagem de mão
  • Líquidos acima de 100ml devem ser despachados (lembre-se de lacrá-los para evitar vasamentos)

Algumas outras dicas e ítens que trouxemos:

  • Instrumentos musicais: um violão e um ukelele (dentro da mochila) como bagagem de mão. Violões, guitarras e etc são permitidos desde que não estejam em case rígida
  • Eletrônicos: uma caixa de som bluetooth e 2 notebooks dentro da mochila de mão (lembrando que aqui na NZ as tomadas são 220v)
  • Skate, pranchas e equipamentos de esporte grandes devem ser despachados e pagos como bagagem excedida. Porém se seu skate couber na mala, manda ver. O meu coube!
  • Documentos, dinheiro, vistos e comprovante guardados em uma pasta e dentro da mochila

DICA NMN: Embalamos nossas malas com plástico filme antes de despachar. Compramos um rolo de 300m e fizemos em casa mesmo (no aeroporto de Guarulhos estão cobrando 60 reais por mala). Também compramos plástico bolha para embalar ítens mais frágeis.

IMG-20160328-WA0014

Malas embaladas com plástico filme

A viagem de ida, imigração e chegada

Tudo preparado, hora de encarar as muitas horas de vôo de São Paulo até Auckland. Voamos de TAM/LAN com escala em Santiago. O primeiro vôo foi em um avião menor, mais antigo, sem entretenimento a bordo, portanto lembre-se de ter um celular ou um notebook carregado e com músicas e filmes para te distrair durante as 4 horas de vôo. Tentamos não dormir e guardar o sono para a segunda parte da viagem. No serviço de bordo foi servido somente um lanche + frutas. Chegando no Chile teríamos que aguardar cerca de 3 horas para embarcar para Auckland, mas houve um atraso de +3 horas. Por sorte, a cia é obrigada a fornecer alimentação e o aeroporto de Santiago tem algumas boas opções, além de cadeiras confortáveis para descansar.

IMG-20160328-WA0009

Voucher de alimentação da LAN

Passada a espera, embarcamos para Auckland em um avião muito maior e mais moderno, com entretenimento a bordo para todos os gostos! De Santiago a Auckland são 13 horas de vôo, foram servidas 2 refeições (jantar e café da manhã) e voamos quase sempre a noite.

IMG-20160328-WA0011

Entretenimento a bordo no vôo da LAN

Imigração

A chegada em Auckland foi muito tranquila. Desembarcamos por volta das 8hs da manhã e passamos pela imigração sem muita demora. Apresentamos somente nossos passaportes e os vistos, e não nos pediram nenhuma informação nem documento adicional. Na verdade não perguntaram absolutamente NADA!

Saindo do aeroporto

Assim que pegamos nossas malas saímos para o saguão do aeroporto. Ali mesmo já é possível comprar um chip para o celular na Vodafone ou na Spark. Optamos por uma promoção de Páscoa na Vodafone: 39 nzd por 3gb de dados, 200 min de ligações locais e 200 msg de txt (sim aqui eles ainda usam).

Devidamente conectados, precisávamos ir do aeroporto até nosso apto em Grafton (bairro perto da City). Para quem chega com muitas malas como nós, a melhor opção é o Super Shuttle, uma van que te leva por um preço fixo (43 nzd por casal) até a porta da sua casa.

E esse foi só o início das nossas descobertas aqui em Auckland. Fiquem ligados no blog, na nossa página do Facebook, e no nosso instagram @nossomundonovo para mais novidades direto da NZ!

DCIM100GOPRO

  1. Vocês chegaram 8 da manhã do domingo, horário local, né? curiosidade… 🙂

    Curtir

    Responder

    1. Nosso Mundo Novo março 28, 2016 às 03:06

      Isso mesmo…. 😉

      Curtir

      Responder

  2. Adriana Almeida março 28, 2016 às 14:08

    Gracinha de casal!! Seguindo vocês!! Irei com meu marido no dia 03/08.
    Já foram com local para estadia? Se sim qual tipo?
    Outra dúvida, as malas vocês levaram 2 tamanho G e uma de bordo (P)?
    Estou em busca das melhores opções de mala.. hehe
    Um abraço e boa sorte pra vocês!

    Curtir

    Responder

    1. Nosso Mundo Novo março 28, 2016 às 18:24

      Oi Adriana , tudo bem ? Viemos com a primeira semana já com uma Airbnb reservado, esse será uma assunto do nosso próximo post 🙂 Quanto as malas , viemos com 3 malas tamanho G ( 30kg cada) , 1 mala tamanho M (26kg) e a de bordo é uma P (além das duas mochilas e 1 violão)

      Obrigada e um abraço .

      Curtir

      Responder

  3. Olá, eu achei bem interessante vcs terem documentado essa parte da viagem..
    em agosto eu irei viajar para a Inglaterra, e o meu vôo irá sair de Guarulhos, fiquei com uma duvida..
    Porque embalar as malas como plástico? É obrigatório?

    😀

    Curtir

    Responder

    1. Oi Raphael, que bom que curtiu o post ! 🙂
      Não é obrigatório embalar as malas, fizemos isso pra tentar preservar algumas malas que nao estavam tao novas e resistentes, e também tentamos evitar que o pessoal do aeroporto abra alguma delas. Embalamos com papel filme, o que nos saiu bem mais barato do que fazer isso nas empresas que existem la no aeroporto.

      Boa viagem e aproveite a Terra da rainha.

      Curtir

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: